Assine a newsletter do blog, prometo só te mandar coisas incríveis!

Os caras ainda não aprenderam a retratar mulheres no cinema

Pois é. Eu poderia liberar esse post só com o título e mais nada, porém é necessário explicar. Aprendi que quando a gente tem uma opinião construtiva, é preciso expor. Mas para que entendam essa opinião, é preciso fazê-la ser entendida. A minha opinião foi dada ali no título; os caras realmente ainda não sabem como representar mulheres nos filmes. E eu espero que eles não estejam tão longe de aprender porque olha… tá complicado de lidar. Nós, como mulheres, já não aguentamos mais os mesmos clichês.

Esses dias, fui assistir Liga da Justiça. Estava ansiosa porque o filme da Mulher Maravilha tinha me arrancado o fôlego e eu estava louca para rever a minha personagem favorita. O filme é bom em certos parâmetros que eu não me sinto capacitada a avaliar, afinal, eu nem sou tão fã assim de Comics. Mas de representações femininas eu entendo, viu? Principalmente depois de ver em Wonder Woman 1 como se deve retratar uma super heroína.

Wonder Woman foi digirido por Patty Jenkins, que deixou muito claro o seu desejo de que Diana pudesse ser vista como a guerreira que é. Que todas as amazonas pudessem ser vistas dessa maneira. Mulheres fortes. Independentes. Tendo uma comparação tão boa para as demais versões de Wonder Woman vividas por Gal Gadot, pude perceber o quanto os homens estão atrasados em representar mulheres no cinema.

Em Batman vs Superman (que no geral, é um filme bem ruim), as cenas de luta da Mulher Maravilha são marcadas por quedas da personagem com as pernas abertas e expressões extremamente sexualizadas. <Me explica quem diabos leva uma porrada e levanta com uma expressão dessas, minha santa Deusa?>

Em Liga da Justiça, dirigido por Zack Snyder, houveram cenas que me incomodaram muito. Como as diversas vezes que Gal Gadot foi filmada de baixo para cima. Onde a bunda da atriz aparece ~despretensiosamente~ em cenas que ela está de costas. Ainda, durante uma das cenas de batalha, Flash cai sobre os seios de Diana para alívio cômico do filme. A mosquinha da desconstrução não parava de zunir nos meus ouvidos.

Outra coisa que ficou muito clara pra mim foi o figurino das Amazonas, desenhado pelo Michael Wilkinson. É perceptível como há muito mais pele exposta na atual produção do que no filme Wonder Woman, cujo figurino foi assinado por Lindy Hemming (um mulherão da porra!). A gente até ouviu algumas explicações ~criativas~ para a nova versão do figurino e porque as amazonas estão de barriga de fora. Não engoli, viu.

Acho que os homens têm muito a aprender com o cinema produzido por mulheres. A questão é que estamos cansadas (pelo menos, eu estou!) das mesmas narrativas criadas para mulheres quando nossas histórias e vivências são muito mais complexas do que isso. Já estamos na portinha de 2018, chegou a hora de dar uma atualizada nas velhas narrativas. Quem está disposto a tentar?

+ + + leia também porque precisamos dar voz as mulheres

Compartilhe

Wishlist para o Natal de 2017

Quem me acompanha lá no Instagram sabe a correria que a minha vida está. Acabei de me mudar para Curitiba, ainda estou tentando me adaptar ao ritmo da cidade, com aquele sentimento de que a minha vida começou do zero, porém com o meu coraçãozinho preenchido de esperanças. E essa é a melhor parte de tudo o que eu estou vivendo!

Confesso que sinto muita falta de escrever aqui e me dedicar inteiramente aos posts, com montagens lindas e bem elaboradas. Isso também me custa bastante tempo já que, tudo que diz respeito a esse espaço online, é atualizado por mim (youtube, instagram, blog e as demais redes sociais!). Me perguntei o porquê de ainda insistir em tudo isso e a resposta é sempre a mesma “eu amo fazer isso!”.

Acho que grande parte das loucuras do meu trabalho – sim, sou workaholic! – é ocasionado pela minha falta de organização e excesso de trabalho. Vivo por aí me sobrecarregando de coisas e exigindo perfeição em todas elas. Bem, vou tentar pegar mais leve comigo! E também quero proporcionar a vocês o melhor que eu posso oferecer. Principalmente aqui no blog. Sei que a era do Youtube vem tornando os blogs cada vez menos visitados, mas eu amo demais escrever pra deixar de fazer isso. Sem me prolongar demais aqui, quero deixar a minha Wishlist de natal 2017 com as coisas que eu venho desejando ultimamente! Espero que esse fim de ano seja maravilhoso pra vocês ♥

BB Cream, Latika | Cabideiro, Tok & Stok | Desodorante sólido Aromaco, Lush | Coturno, Santa Lolla | Bálsamo multifuncional Amazonian Therapy, The Body Shop | Kindle White, Amazon | Prato decorativo, Studio Pamelitas | Máscara de cílios, Simple OrganicFijian Water Lotus, The Body Shop | Óculos Rayban redondo

E vocês, o que andaram desejando para esse Natal?

 

Compartilhe

Maquiagem colorida para morenas e negras

Cansei de procurar matérias sobre maquiagem para peles morenas e negras. E por incrível que pareça, reservavam para esse tom de pele o esfumado marrom ou delineado preto nos olhos. Quando eu abro o Pinterest e digito ‘color makeup’, são moças de olhos claros que ainda aparecem na minha busca. E por muito tempo, eu achei que a maquiagem colorida só servia mesmo em peles ultra brancas decorada com um par de olhos claros. Err… no!

Como aqui a intenção é sair da zona de conforto e quebrar padrões, trouxe pra vocês algumas referências de maquiagem colorida para morenas e negras. Tem esfumado colorido, delineador azul, cores vibrantes numa mesma maquiagem, e o que mais você achar que é legal usar. Mana, quem dita as regras da sua aparência é você! 💚💛💜

+ + + + leia também: Marcas de maquiagem cruelty free e fáceis de encontrar 

Acha que começar com duas cores vibrantes de sombra ousado demais? Não tem problema! Dá pra misturar a sombra colorida com esfumado marrom. O segredo é esfumar o marrom no côncavo como se a gente fosse fazer uma make marrom basicona. No canto do olho, você deposita delicadamente a sombra colorida que você quer usar.

Para que a cor fique mais pigmentada, o segredo é dar uma molhadinha no pincel antes de passar a sombra. Depois é só ir depositando com cuidado na pálpebra. Pra fazer delineado, já existe lápis de olho e delineadores coloridos de marcas nacionais e com preços super acessíveis!

A gente precisa lembrar que a moda e a maquiagem estão aqui para traduzir quem somos e do que gostamos, não para nos impor regras e nos colocar em caixinhas. Vamos ser ousadas! Não esqueçam de me contar o que vocês acham de make colorida lá nos comentários! Bisous ♥

Quer ver mais inspirações de maquiagem? Me segue lá no Pinterest!

Compartilhe
Newsletter
Receba as coisas mais legais do Boneca de Platina por e-mail!
Fechar