Assine a newsletter do blog, prometo só te mandar coisas incríveis!

Oversized | Um manifesto da silhueta

Já falei aqui no blog sobre como a moda pode funcionar como um manifesto e como ele é capaz de te empoderar. Dá pra entender um pouco sobre isso nesse post aqui sobre como queremos sapatos de guerreira. Hoje falaremos sobre como o oversized não é só incrível como ele também pode re significar o seu corpo.

Se formos dar uma pesquisada na história da moda, dá pra sacar a maneira como o corpo feminino é construído e quais partes desse corpo precisavam ser ressaltados, como a cintura marcada e decotes. Graças as deusas, foi durante o século XX que esse corpo passou por transformações. Fosse na libertação da cintura marcada dos anos 20 e nos ombros exagerados dos anos 70. Chuto dizer aqui que o oversized chegou com Balenciaga e seus vestidos estruturais para depois ganharem as ruas com o grunge nosso de cada dia.

Tá mas… o que gôta é oversized? Vou explicar, migas! Sabem aqueles looks que são bem larginhos (e ultra confortáveis) e a roupa não marca o seu corpo? É exatamente isso. Dá pra seguir essa estética com roupas masculinas, que são números maiores do que o seu ou que já foram projetadas para serem mais largas mesmo.

E por que o oversized pode ser visto como um manifesto da silhueta? Vamos lá. Se olharmos para a criação que recebemos, podemos ver que mulheres são incentivadas desde o início da puberdade a ressaltar a silhueta do seu corpo feminino. Então os seios são evidenciados, o quadril precisa aparentar ser largo e no meio desses dois, uma cintura marcada (e fina) para ressaltar um formato ~violão~. O oversized vem para romper com a construção desse corpo!

E aqui vai uma dose de inspiração para vocês adotarem esse tipo de silhueta caso ela te represente


Acha que um look total oversized não é muito a sua cara? Tudo bem! Dá pra conseguir o mesmo efeito usando apenas uma peça larguinha. Seja uma camisa, um vestido ou uma calça. Daí você pode balancear a silhueta com outra peça mais justa. Sem muitas regras, o importante é se divertir e usar o que te faz feliz.

Quer mais inspirações? Me segue no Pinterest que é sucesso:

 

E você, já usou/usa esse estilo de peças? Conta pra mim o que você acha lá nos comentários!

 

Compartilhe

5 DIY minimalistas para fazer já

Quando a gente fala sobre minimalismo, além do estilo de vida minimalista, também temos a tão amada estética. Já demos dicas de como adotar o estilo aqui e aqui. Pra quem adora trabalhos manuais, chegou a hora de colocar a mão na massa e aproveitar todos os projetos de Do It Yourself que eu separei pra vocês conferirem! Só vem:

Para as viciadas em textura de mármore, esses porta copos em forma de hexágono são perfeitos pra você. Eles são ultra chiques e ainda vão proteger seus móveis daquelas manchinhas de copo. Para decorar e guardar suas coisas, dá pra fazer uma caixa incrível num projeto super fácil. Agora se tudo o que você quer é um lugar para anotar as suas tarefas, dá pra fazer um caderno com capa de couro super estiloso.

Relógios de parede sempre dão um toque especial na decoração, em especial os minimalistas. É um DIY que exige um pouco mais de habilidade. Caso você não tenha, tá aí o pretexto perfeito para passar algum tempo junto com os amigos e pedir aquela ajuda marota. (via The Lovely Drawer).

Aqui a ideia é criar um objeto incrível para deixar as suas melhores lembranças. Nesse mural de fotografia criado pela Homey Oh My, dá pra pendurar as tuas fotos na parede e é super fácil de fazer.

Qual foi o seu DIY favorito? Conta pra mim lá nos comentários! ♥

Compartilhe

Sobre ser forte, realizar sonhos e outras coisas mais

Já ouviram aquele ditado que dizem que “coisas incríveis, a gente compartilha”? Bom, se ele não existe, eu quero deixar aqui registrada a necessidade desse ditado existir. Principalmente em tempos como esse, onde a internet está cheia de pessoas produzindo coisas legais diariamente. Como é de costume, vim aqui trazer aquela seleção de links bacanudos pra vocês conferirem!

Lugar de Mulher – Estupro como clichê narrativo

Esse é um assunto que sempre me inquietou, mas nunca escrevi sobre. Daí encontrei esse post escrito pela Mari, onde ela traduz tudo o que eu sempre pensei. Nesse post, ela trata sobre como o estupro se tornou comum em narrativas de filmes e séries na construção de personagens mulheres (e para complexificar um personagem homem). Vale muito a pena a leitura!

GWS Mag – 3 atitudes simples que vão te fazer realizar tudo o que você mais quer na vida

Antes de ler esse post, estava achando que iria ser só mais um daqueles conteúdos de auto ajuda que a gente encontra por aí. Mas daí, depois de ler o post completo, percebi que tudo o que a Carol escreveu tem muito a ver com o processo e conscientização que precisamos ter para realizar os nossos sonhos. A leitura é leve e faz a gente refletir bastante!

Ovelha Mag – Ainda tem dúvidas da sua força?

Esse é um texto para você favoritar. Para você ler em dias ruins, quando estiver se sentindo frágil e incapaz. Tem dias em que tudo parece estar errado e achamos que o que conquistamos não é nada. As vezes achamos também que não conseguiremos chegar a lugar nenhum. É um post para imprimir e colar na porta do guarda roupa ♥

Ovelha Mag – Meu corpo não é público

Vamos falar de assédio. Vamos falar disso enquanto tivermos vozes e enquanto houver força. Porque o que aconteceu na semana passada tem que parar de se repetir. O assédio em ônibus e metrôs do Brasil é algo recorrente demais para não ser debatido. #meucorponãoépúblico

E vocês, o que andaram lendo nesse mundão chamado internet? Compartilha comigo lá nos comentários ♥

Compartilhe
Newsletter
Receba as coisas mais legais do Boneca de Platina por e-mail!
Fechar